8 de jul de 2012

MOMENTO CEAO



Em uma edição dedicada à mediunidade não podemos esquecer de Yvonne Amaral Pereira pelo seu devotamento ao estudo da Doutrina Espírita, à prática da mediunidade, num esforço de atendimento a todos os sofredores e em particular aos suicidas. 


Sua vida de dedicação à mediunidade é um exemplo para todos os médiuns, e foi resumida por ela nesta prece publicada em seu livro Recordações da Mediunidade:


   “Obrigada, meu Deus, pela bênção da mediunidade que me concedeste como ensejo para a reabilitação do meu Espírito culpado.  A chama imaculada que do Alto me mandaste, com a revelação dos pontos da tua Doutrina, a mim confiados para desenvolver e aplicar, eu ta devolvo, no fim da tarefa cumprida, pura e imaculada conforme a recebi: amei-a e respeitei-a sempre, não a adulterei com ideias pessoais porque me renovei com ela a fim de servi-la; não a conspurquei, dela me servindo para incentivo às próprias paixões, nem negligenciei no seu cultivo para benefício do próximo, porque todos os meus recursos pessoais utilizei na sua aplicação. Perdoa, no entanto, Senhor, se melhor não pude cumprir o dever sagrado de servi-la, transmitindo aos homens e aos Espíritos menos esclarecidos do que eu o bem que ela própria me concedeu.”


Fonte :Editorial do Rota de Luz-Boletim Informativo do CEAO- Julho/2012


Tópicos da Mediunidade


Fortaleçamos o entendimento, conservando a confiança na Divina Bondade. Nenhuma razão para agravar problemas íntimos quando a mediunidade aparece.
  
A mediunidade com Jesus requer firmeza e trabalho ativo de nossa colaboração na seara espírita. Jesus está conosco e Nele nos cabe depositar toda a fé. Alegremos o coração, procuremos arejar os pensamentos e prossigamos adiante!
                                    ***
Sempre que trabalhemos, guardando a fé viva, na certeza de que Deus, na benção do tempo, auxiliar-nos-á na solução de todos os problemas e lutas, as nossas tarefas mediúnicas prosseguirão amparadas com segurança.


Bezerra de Menezes

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou? Comenta.